16.3.06

L'Opéra

Ontem à noite programa de luxo: La Bayadère de Rudolph Noureev na Opéra Bastille. Chegamos meia-hora antes do começo do espectaculo, para apanharmos os bilhetes de ultima hora, a 10 euros. Ficamos num balcao no 6 andar la bem em cima, mas via-se perfeitamente.
Tenho pena de nao ter levado maquina fotografica porque a sala merece: uma arquitectura com qualquer coisa de futurista, fazendo lembrar os filmes do Star Wars, onde os balcoes estao suspensos por cima da plateia, como que flutuando no meio da sala. As vertigens foram muitas do nosso lugarzinho la em cima, dado o pé direito monumental da sala.
Tivemos direito a algumas das mais conhecidas cenas do ballet classico, com 30 tutus em palco rodopiando ao mesmo tempo, solos esgotantes, "décors" somptuosos e tudo e tudo e tudo...
Este programa de aristocrata saiu-nos por uns fabulosos 10 euros, preço de dois almoços no MacDonalds...Este sim é o privilégio de estar numa cidade como Paris, em que se pode ir à uma Opera, um teatro e um concerto pelo mesmo preço a que iriamos a um espectaculo na Gulbenkian. "Voila" a democratizaçao e promoçao da cultura.

"çà c'est Paris"

3 commentaires:

Miguel Rolo a dit…

Será isto a esquerda caviar ?
Opera ou ballet à noite, barricadas durante o dia.
viva a cultura !(única forma de se poder ser lucido)

Miguel Rolo a dit…

Será isto a esquerda caviar ?
Opera ou ballet à noite, barricadas durante o dia.
viva a cultura !(única forma de se poder ser lucido)

Miguel Rolo a dit…

Será isto a esquerda caviar ?
Opera ou ballet à noite, barricadas durante o dia.
viva a cultura !(única forma de se poder ser lucido)